Áureo Corrêa de Souza

 
 
Nasceu em 04 de fevereiro de 1922. Bacharel em Direito. Professor de nível secundário. Sócio correspondente n. 235, admitido em 2 de junho de 2003. Reside em Bauru, SP. Possui poesias publicadas no Jornal da Cidade (Bauru) e Jornal do Professor(São Paulo, capital). Possui poesias publicadas na Revista Ventos do Sul, edição do GPL e no banco de praia em Florianópolis, Projeto Poesia na Praça. Apesar de não ser catarinense,Áureo foi um participante ativo como associado correspondente. Falecido.

SAIBA MAIS

Nasci e me criei em uma pequena e modesta cidade, na desembocadura do Rio Ribeira de Iguape, junto ao mar, em frente a ma qande ilha, que hoje é uma cidade, já elevada a município-(Ilha Comprida) Passei parte da minha Infância, em um lugarejo perdido às margens do Rio Ribeira, onde só existia uma escola rural. Meu pai, embora semi- apedeuta-queria para os filhos, uma melhor situação. Encaminhou-nos para Itapetininga, onde inviciamos os estudos secundários, diplomando-nos como professor e perito contador. Finalmente, por esfôrço próprio, fiz-me bacharel em direito isto já na meia idade, faazendo-me colega de minhas próprias filhas:- uma médica e aoutra assistente social . Assim, consegui, embora após seu falecimento; a aspiraçãodo meu pai que aspirava ter um filho doutor. Hoje, a maioria em minha família, ostenta on diploma de Curso Superior. Se o Velho fosse vivo, creio seria o homem mais feliz do mundo!
Sou mateiro, caboclo, Caiçara! Isto me ofereceu alguns conhecimentos e um tipo diverso de vivência.


Autor de Versos e Poesias - obra apresentada em tamanho A4, cartonada, traz poemas que retratam seu amor pela cidade em que vive; uma homenagem à Ilha de santa Catarina onde reside um dos filhos; homenagem ao seu cão Tuti e outros que revelam na mais das vezes, a angústia do poeta em observar a política e seus políticos que são atraídos pela ganância e corrupção.
Contato: Rua Prof. Durval Guedes de Azevedo, n. 2/80, apto 21, Jardim Infante Dom Henrique. Cep 17011-470 – Bauru, SP

Poemas & Poesias

Voltar