Nélson Carneiro (sócio correspondente)

 
 
Nélson Carneiro, reside em São José do Rio Preto, SP. Oficial da Reserva da Polícia Militar de São Paulo. Sua obra Devaneio reúne pensamentos de outros autores que ele achou relevante figurar em sua obra; trechos da Bíblia; algumas cartas trocadas entre ele e seus amigos. Ele próprio diz: “A inspiração é divina: reside na alma e rodeia a imaginação. Pode-se saber muito, expressar pouco, saber pouco, expressar muito.” Além dos pensamentos e cartas, Nélson apresenta poemas muitos deles já publicados na Revista Ventos do Sul, do Grupo de Poetas Livres. É dele, também, este pensamento: “Envelhecer é como o emurchecer da flor cujas pétalas não tardam a cair.” Do poema
***Rua das Lavras, citamos:
Não reclame dos céus o que ficou distante.
Revive de amor seu poeirento chão
Olha aquele árido caminho
por onde andou constante.”(...)

Poemas & Poesias

Voltar